terça-feira, 9 de abril de 2019

ATIVIDADES COM PRONOMES RELATIVOS - 9° ANO


1. Assinale a alternativa em que o pronome relativo foi corretamente empregado:
(   ) “Entretanto, governas como um rei cujo decretos são estabelecidos pela terra inteira.”
( X) “Entretanto, governas como um rei cujos decretos são estabelecidos pela terra  inteira.”  (   ) “Entretanto, governas como um rei cujos os decretos são estabelecidos pela terra inteira.”

2.Assinale o período em que foi empregado um pronome relativo inadequadamente:
a) O livro a que eu me refiro é Estrela da manhã, do Manuel Bandeira.
b) Ela é uma pessoa de cuja idoneidade ninguém duvida.
c) A tese em cujos dados nos baseamos é esta.
d) O tribunal do júri perante o qual o réu foi condenado foi implacável.
e) O homem de cujo lhe falei ontem é este.

Alternativa e”.      Na alternativa “e”, o pronome que melhor se aplica é “o qual”: O homem sobre o qual lhe falei ontem é este.

3. Assinale a alternativa que completa corretamente as três frases. 

I. O século ................................. vivemos tem trazido grandes transformações ao 

planeta. 

II. O ministro reafirma a informação ....................... o presidente se referiu em seu 

último pronunciamento. 

III. Todos lamentavam a morte do editor ...... publicou obras importantes do Moder- 

nismo. 

a) onde - a que - que
b) onde - a que – cujo
c) em que - que - o cujo 
d) em que - a que - que
e) em que - de que - o qual 

4.Na frase “Este é o campo ___________ as equipes disputaram o campeonato.”, o espaço indicado deve ser preenchido com o pronome relativo:
 a) aonde     b) onde    c) cujas     d) que               onde

1. Complete com o pronome relativo adequado, precedido ou não de preposição.

a) Aquele era o sinal ____ todos esperavam para entrar na igreja.

b) O padre era uma pessoa ______ muitos dos presentes desconfiavam.

c) Aquele era o sinal ______ todos ansiavam para entrar na igreja.

d) O padre era uma pessoa ________ muitos dos presentes concordavam. 
1) a) cujo     b) que      c) que        d) o qual


PLURAL DOA ADJETIVOS COMPOSTOS - 9º ANO


1. Relativamente à concordância de adjetivos compostos  indicativos de cores, uma dentre as seguintes alternativas está INCORRETA. Qual?
a) Pele morena-clara.   X                       b) Vestidos amarelo-ouro   
c) Blusas vermelho-sangue                   d) Olhos castanho-escuros

2. Dê o plural dos adjetivos compostos a seguir:
a) surdo-mudo: SURDOS- MUDOS
b) político-social: POLÍTICOS- SOCIAIS
c) sem-vergonha: SEM- VERGONHAS
3.O adjetivo composto foi incorretamente flexionado no plural em:
a) Os padrinhos vestiam ternos azul-escuros.
b) Que meninos mal-educados!
c) Comprei belas xícaras verde-abacates.
d) O jornal debateu os conflitos russo-americanos.
4. A flexão do adjetivo composto que melhor completa a oração é:
Todos as pessoas imigrantes eram ______________.
a) (  ) afras-descendentes
b) (  ) afrodescendentes  X
c) (  ) afrosdescendentes
d) (  ) afra-descendentes
Como regra, somente o último radical recebe a flexão. Além disso, a palavra não é grafada com hífen, o que exclui as alternativas “a” e “d”.

5. É preciso levar em conta questões econômicas e sociais”; se juntássemos os adjetivos sublinhados em forma de adjetivo composto, a forma correta, no contexto, seria:
a) econômicas-sociais
b) econômico-social
c) econômica-social
d) econômico-sociais   X
e) econômicas-social
Como regra, somente o último radical recebe a flexão.


ATIVIDADES COM SUBSTANTIVOS COMPOSTOS - 9º ANO

1. Indique o plural dos seguintes substantivos compostos:
a) quarta-feira
b) pôr do sol
c) quebra-cabeça
d) decreto-lei
e) zum-zum
f) grã-fino
a) quartas-feiras
b) pores do sol
c) quebra-cabeças
d) decretos-lei
e) zum-zuns
f) grã-finos
2. Assinale a opção em que todos os substantivos compostos plurais estão corretos.
a) canas-de-açúcar, couves-flores, quintas-feira
b) canas-de-açúcares, couves-flor, quintas-feira
c) canas-de-açúcar, couves-flores, quintas-feiras     x
d) canas-de-açúcares, couves-flores, quintas-feiras
3.Relacione as regras de formação do plural dos substantivos compostos com as palavras no plural.

a) Em palavras ligadas por preposição, o primeiro radical vai para o plural.
b) Com dois substantivos, e o primeiro indicando finalidade ou tipo, o primeiro substantivo vai para o plural.
c) Quando o primeiro radical é um verbo, o segundo vai para o plural.
d) Quando o primeiro radical é uma palavra invariável, o segundo vai para o plural.
e) Com palavras variáveis (substantivo + substantivo; substantivo + adjetivo; adjetivo + substantivo), ambos os radicais vão para o plural.
(  ) couves-flores
(  ) abaixo-assinados
(  ) escolas-padrão
(  ) beija-flores
(  ) pimentas-do-reino

( E )
( D )
( B )
( C )
( A )

 4.Coloque V ou F para as seguintes orações, considerando o emprego correto dos substantivos compostos:
a – Ele gosta de amores-perfeitos e cultiva-os. (   )
b – Há muitos beijas-flores na varanda da casa. (   )
c – As saias-balão compuseram a moda antiga. (    )   
d – Na próxima semana haverá reunião dos vice-diretores. (    )
e - As aulas de física serão ministradas nas segundas-feiras. (   )

a- verdadeira
b – falsa
c – verdadeira
d – verdadeira
e – verdadeira


terça-feira, 12 de março de 2019

ATIVIDADES DE INTERPRETAÇÃO- 8º ANO


Pirataria
 A pirataria é toda violação aos direitos de criação e já é vista por muitos especialistas como o "crime do século XXI". É uma atividade ilegal que causa prejuízos crescentes à economia, à geração de empregos (não só no Brasil, mas no mundo todo) e, principalmente, prejuízos aos consumidores. Segundo a INTERPOL (Polícia Internacional), a pirataria mundial, atualmente, movimenta mais recursos financeiros que o narcotráfico.
O crime de pirataria é uma atividade financiada por grandes grupos de máfias internacionais organizadas, que trazem para o Brasil os mais diversos tipos de mercadorias. são roupas, tênis brinquedos, CDs, remédios, óculos, peças de automóveis, luvas cirúrgicas, entre outros, que não seguem qualquer padrão de segurança e qualidade. Esses produtos acabam frustrando os consumidores, podendo, inclusive, causar danos irreparáveis à saúde.

Disponível:http://locadoradvdcenter.blogspot.com.br/2008/04/os-males-da-pitararia.html. Acesso em: 21 jan. 2018.

1.Segundo o texto

(A) apesar de a Polícia fazer um trabalho preventivo nas fronteiras dos países, nos últimos anos, a pirataria tem aumentado de forma significativa.
(B) a Polícia Internacional tem trabalhado para coibir a pirataria, que é um tipo de crime considerado inafiançável.
(C) o consumidor que utilizar de produtos piratas pode por a própria vida em risco, pois, geralmente, são produtos de qualidade inferior. X
(D) alguns produtos piratas podem prejudicar à saúde do consumidor, porém há produtos piratas que são mais baratos e de qualidade superior aos originais.


Não há dúvida que as línguas se aumentam e alteram com o tempo e as necessidades dos usos e costumes. Querer que a nossa pare no século de quinhentos é um erro igual ao de afirmar que a sua transplantação para a América não lhe inseriu riquezas novas. A este respeito a influência do povo é decisiva. Há, portanto, certos modos de dizer, locuções novas, que de força entram no domínio do estilo e ganham direito de cidade.
(MACHADO DE ASSIS. Apud Luft, Celso Pedro. Vestibular do português).

Vocabulário: Transplantação - transferir de um lugar ou contexto para outro.

2. Ao ler o texto, concluímos que
(A) as mudanças do português da Europa para o Brasil evitaram inserir ao idioma riquezas novas.
(B) as alterações da língua estão condicionadas às necessidades dos usos e costumes e ao tempo.  X
(C) o português do século XVI é o mesmo de hoje, não sendo necessário parar a língua no tempo.
(D) os falantes do campo usam expressões atuais da língua mesmo sem sofrerem influência europeia.

Leia:
Famílias trocaram a cidade pelo campo para ter uma vida simples Trocar o campo pela cidade à procura de uma vida melhor sempre foi a opção mais comum. Porém, algumas famílias, cansadas do caos urbano, estão fazendo o caminho inverso, deixando os grandes centros para viver literalmente no meio do mato. São pessoas que cursaram faculdade, desfrutavam de um certo conforto na cidade, mas não aguentavam mais a correria, falta de liberdade, o trânsito e o excesso de consumo. Em busca de uma vida mais simples e saudável, elas não têm medo de encarar a enxada e descobrir um novo modo de sobreviver. Para a mineira Manuella Melo Franco, 34, a chegada do primeiro filho foi o empurrão que faltava para deixar a cidade e, finalmente, experimentar uma vida mais tranquila e autossustentável, ao lado do companheiro Hugo Ruax. “O nascimento do Tomé reforçou esse nosso desejo. Queríamos oferecer a ele uma infância mais próxima da natureza, longe dos valores consumistas e da loucura da cidade”, diz a fotógrafa e jornalista. [...] O catarinense Marinaldo Pegoraro, 54, também não demorou muito para deixar o apartamento em Curitiba (PR), onde residiu nos últimos 11 anos, para ir viver com a mulher e as duas filhas adolescentes no Sítio Serra Dourada em Delfim Moreira, no extremo sul de Minas Gerais. [...] [...] Existe um esgotamento desse modelo de vida urbano”, diz Marinaldo Pegoraro, sem sentir falta dos shoppings e feliz de poder trabalhar na terra e ouvir o canto dos pássaros.

3. O texto acima é do gênero:
a) crônica
b) artigo de opinião
c) reportagem  x
d) conto
e) propaganda

4.  Identifique o assunto do texto: O texto tem como assunto: a mudança de famílias, que residiam em grandes centros urbanos, para o campo, a fim de viverem de modo simples.
O texto tem como assunto: a mudança de famílias, que residiam em grandes centros urbanos, para o campo, a fim de viverem de modo simples.

5. As aspas foram empregadas para indicar:
a) as citações científicas
b) as falas dos entrevistados. x
c) as passagens mais importantes do texto.
d) as partes escritas em linguagem informal.
e) as palavras de origem estrangeira.

ATIVIDADES DE INTERPRETAÇÃO - 7º ANO

COESÃO E COERÊNCIA
1. Complete o texto com as palavras do quadro abaixo de forma que o texto fique compreensível, ou seja, coeso.
Muito suor, pouca descoberta (Super for Kids, nº 1) O trabalho do arqueólogo tem emoções, sim. _________não pense em Indiana Jones, bandidos e tesouros. É verdade _________ os arqueólogos passam um bom tempo em lugares excitantes, como pirâmides e ruínas. _______as emoções acontecem mesmo é nos laboratórios, __________ ___________ identificam a importância das coisas que acharam nos sítios arqueológicos. _____________, é preciso persistência para encarar a profissão, ___________ os resultados demoram, e muita gente passa a vida estudando sem fazer grandes descobertas. No Brasil, é necessário fazer pós-graduação, ____________não há faculdade de Arqueologia. ___________, é preciso gostar de viver sem rotina, ______________o arqueólogo passa meses no laboratório e outros em campo. O prêmio é fazer descobertas que mudam a história. porque – mas – eles – pois – portanto – mas – além disso – que – porque – quando.
O DESEJO
    “A velhinha tinha uma pequena loja, numa rua de Florença. Exteriormente, sua loja não era nem rica, nem elegante, nem artística. Isso acontece em muitas lojas, na Europa. Mas a velhinha vendia umas blusas tão lindas e originais que mulher nenhuma poderia ficar insensível a seus encantos. E eis que, de repente, me torno possuidora de uma delas. Começava a escurecer. A formosa Florença tornava-se uma cidade de prata. Eu desejava mais uma blusa: quem viaja está sempre pensando em alegrias que, de volta, pode dar aos amigos. Mas a loja ia fechar, a velhinha não negociava com dólares (e pensar que um dia eu tive dólares!): então, separei a segunda blusa, e prometi que na manhã seguinte apareceria com as minhas liras.”
(Cecília Meireles. Seleta em prosa e verso. Rio de Janeiro, José Olympio, 1973)

Assinale a única alternativa correta nas questões abaixo:
1.Conclui-se o seguinte com respeito à loja:
a. (   ) era uma loja de roupas.
b. (   ) não havia empregados.
c. (   ) a loja era humilde
d. (   ) todas as alternativas anteriores   x  
e. (   ) nenhuma das alternativas dadas


2. Conclui-se o seguinte com respeito à data da viagem:
a. (   ) a viagem aconteceu há poucos dias atrás do registro feito pela narradora
b. (   ) a viagem aconteceu há poucas semanas atrás do registro feito pela narradora
c. (   ) a viagem aconteceu há muito tempo atrás do registro feito pela narradora
d. (   ) qualquer uma das alternativas anteriores   x
e. (   ) nenhuma das alternativas dadas


GERAÇÃO  DO CELULAR
Inaê Soares da Silva

     O uso do celular é considerado atualmente o maior entretenimento dos brasileiros, tem ocupado quase a metade das horas vagas da população e especialistas confirmam que as pessoas estão viciadas. Os usuários não usam o celular ou a internet apenas para olhar uma mensagem ou outra, e sim, ficam vidrados o dia inteiro, seja na rua, na praça, com os amigos e até mesmo no trabalho. As pessoas precisam aprender ter mais contato com o mundo real.
         As crianças estão passando horas do seu tempo livre em frente ao computador ou no celular em jogos que poderiam ser utilizadas para uma leitura de bons livros ou para uma conversa com os amigos. Adultos chegam do trabalho já vão conferir as últimas atualizações dos aplicativos de relacionamentos e até idosos estão aderindo à nova tecnologia. A cultura da população está mudando e isso preocupa.
       Acredito que as redes sociais foram criadas para que nós tivéssemos mais contato com as pessoas, mas está totalmente ao contrário. O que veio para aproximar, acabou afastando. As redes sociais estão fazendo as pessoas antissociais umas com as outras. A comunicação que prevalece é a virtual e a prática de boas atitudes humanas, como o “bom dia”, “por favor”, são raros.
      Temos que incentivar às crianças, aos adolescentes e até aos adultos a se desconectarem do mundo virtual para se conectarem com o mundo real. Deixar o celular desligado quando estiver em família, curtir um passeio sem tantas selfies e dar preferência ao bate-papo olho-no-olho são situações que fortalecerão o relacionamento e o amor.

Da Silva, Inaê Soares. Escola João Moreira Barroso. 
Setembro de 2017 (Adaptado). Professor Maurício Araújo
1. Há uma opinião da autora em
a) “O uso do celular é considerado atualmente o maior entretenimento dos brasileiros...”
b) “... especialistas confirmam que as pessoas estão viciadas.”
c) “Adultos chegam do trabalho já vão conferir as últimas atualizações dos aplicativos de relacionamentos...”
d) “Acredito que as redes sociais foram criadas para que nós tivéssemos mais contato com as pessoas...”    x

2. Qual a proposta de solução apresentada pela autora para minimizar os problemas causados pelo celular?
a) “Temos que incentivar às crianças, aos adolescentes e até aos adultos a se desconectarem do mundo virtual para se conectarem com o mundo real.”   x
b) “A comunicação que prevalece é a virtual e a prática de boas atitudes humanas, como
“bom dia”, “por favor”, são raros.”
c) “O que veio para aproximar, acabou afastando.”
d) “As redes sociais estão fazendo as pessoas antissociais umas com as outras.”

TEXTO 1

Não deixe seu melhor amigo com raiva

   A vacina contra a raiva protege seu animal, evitando que ele fique doente e ameace a saúde de sua família.
    No dia 28 de setembro, a Secretaria Municipal de Saúde realiza a Campanha Antirrábica Animal.
    Procure o posto de vacinação mais perto de sua casa, levando seu cachorro ou gato, no horário de 9 às 17 horas.
 Prefeitura Municipal de Betim. *Adaptado: Reforma Ortográfica.

TEXTO 2

Mordida de cão, gato, rato e cia.

        De repente, o cachorro do vizinho ou um vira-lata não simpatiza com seu filho e lhe dá uma mordida. O que fazer? Primeiro, acalme-se e veja o estrago. Depois de cuidar do ferimento da criança, passe a prestar atenção no animal.
     Se for possível, observe como se comporta o animal (esta observação pode mudar tudo). Por exemplo: se o animal não puder ser observado para saber se está com alguma doença, o esquema de vacina contra a raiva deverá ser o mais rigoroso possível. Por outro lado, se o animal, depois de 10 dias de observação, permanecer saudável, a criança poderá se livrar de um esquema vacinal na maioria das vezes longo, cansativo e doloroso.
     Em todos os postos de saúde do Brasil você pode encontrar o esquema de vacinas contra raiva. Recomendado pela Organização Mundial de Saúde, baseado no local da mordida, na gravidade da lesão e nas condições de saúde do animal.

Ziraldo e Dr. Tuta. Manual de sobrevivência do Menino Maluquinho. Porto Alegre:
L&PM, 1997. p. 40-41. *Adaptado: Reforma Ortográfica. 

 O assunto desses dois textos é
A) a saúde das crianças.
B) a vacina das crianças.
C) a saúde no Brasil.
D) a vacina contra a raiva.

Descritor 15 – Reconhecer diferentes formas de tratar uma informação na comparação de textos que tratam do mesmo tema, em função das condições em que ele foi produzido.


quinta-feira, 21 de junho de 2018

ATIVIDADES DE LEITURA E INTERPRETAÇÃO - 6° ANO

Leia o texto a seguir: 

O meio ambiente em primeiro lugar

Em um pequeno vilarejo havia um jovem aventureiro, que se chamava Pedro. Ele era um rapaz esperto que adorava o meio ambiente, passava a maior parte do dia na floresta, subindo em árvores, brincando com os animais. Pedro não tinha medo de nada, de nenhum animal e adorava nadar em um rio que ficava perto de sua casa.
Certo dia, Pedro estava andando pela floresta, quando viu um movimento estranho, e depois um tiro e um grito de um animal, muito curioso ele foi lá olhar.
Quando chegou ao local do tiro, viu muitos homens, todos armados e com motosserras, cortando as árvores, matando e capturando animais.
Pedro chegou à frente deles e disse:
─ Por que estão fazendo isso com os animais e com as árvores?
─ Pegue ele! Falou o líder do bando.
Pedro correu e os homens foram atrás. Preparados para atirar, o líder do bando disse:
─ Não atirem! Ele será nosso refém! Pois a polícia está atrás de nós!
No tempo em que ele estava conversando, Pedro subiu em uma árvore e se escondeu. A polícia chegou e prendeu o bando.
Pedro, um jovem aventureiro, que amava o meio ambiente, arriscou sua vida por ele.

RESPONDA ÀS QUESTÕES ABAIXO:

1.  A partir da leitura do texto, podemos dizer que:
a) Pedro passava a maior parte do tempo em casa.
b) Pedro não gostava de animais.
c) Pedro não gostava da floresta.
d) Pedro não sabia nadar.
e) Pedro adorava o meio ambiente.
2.  O que ficava perto da casa de Pedro?
a) o rio que ele nadava.
b) a casa de um amigo seu.
c) a casa de sua avó.
d) um lago muito profundo.
e) o rio com muitos peixes.
3.  O que ficava perto da casa de Pedro?
a) o rio que ele nadava.
b) a casa de um amigo seu.
c) a casa de sua avó.
d) um lago muito profundo.
e) o rio com muitos peixes.
4. Pedro vivia na floresta, brincava com os animais e subia em árvores. O que aconteceu, de repente, que mudou essa tranquilidade?
5. Por que o bando decidiu não atirar em Pedro após capturá-lo?
Porque a polícia estava atrás do bando, e os homens queriam o Pedro como refém deles.
6. Como Pedro conseguiu fugir do bando de homens?
Quando eles estavam conversando distraídos, Pedro subiu em uma árvore e se escondeu.
7. O que aconteceu após Pedro se esconder na árvore?
A polícia chegou e prendou o bando.
8. Pedro tinha algum tipo de medo? Explique. 
Pedro era um jovem aventureiro que não tinha medo de nada.
9. Quem é que falou “Pegue ele!”.
Quem falou “Pegue ele” foi o líder do bando.
10. Você gostou da história? Explique por que respondeu sim ou não.  
Aqui é uma resposta pessoal do aluno para começar a treinar sua autonomia.

André Tarragô Martins  –  professor de ensino médio e fundamental de Língua Portuguesa e Mestre em Letras na área de Linguagem, Interação e Processos de Aprendizagem. Além disso, é músico e jornalista. Atua em pré-vestibulares, pré-concursos, aulas particulares, elaboração de provas de concursos e é criador de conteúdo para o Portal www.acessaber.com.br.